Últimas Publicações / O início do futebol amador em Itambé-PR

Informações e fotos do blog de Denizia Moresqui (www.deniziamoresqui.blogspot.com).

 De acordo com Vera Eloísa de Melo Assis, o primeiro campo de futebol do Distrito de Itambé foi feito num terreno doado por João Cortez Cappel na esquina das Ruas Dr. Lafayette Grenier com a Rua Luiz Lopes. Vera diz que as crianças brincavam muito neste campo. Mais tarde, Cortez decidiu lotear este terreno e doou outro, ao lado do cemitério, para a instalação de outro campo, que foi feito pelo Prefeito de Marialva, Armando Moura, por volta de 1954, com o nome de Comercial.

 Anos mais tarde, o campo recebeu o nome de Goiabão, uma homenagem ao Prefeito Gibson Linhares Monteiro que foi um grande incentivador do esporte e tinha o apelido de Papa Goiaba. Ainda na década de 50, Rafael Lopes fez um campo chamado Pó de Serra, por ser propriedade da serraria. 

Segundo o relato do Dr. Mauro Nakamura, o esporte mais difundido nos primeiros anos de Itambé foi o futebol de campo, seguido pelo jogo de bocha para idosos, malha e o jogo de baralho, na modalidade truco. Na zona urbana e rural, chegaram a se formar cerca de 23 equipes de futebol, na cidade havia duas: o Comercial e o Pó de Serra. Os times disputavam entre si no campeonato intermunicipal e arrastavam multidões para os jogos. Mais tarde, surgiu uma equipe juvenil, o Alvorada, nome dado porque os atletas treinavam de manhã. Este time disputou o Campeonato Amador pela Liga Regional de Maringá, nos anos 70.

Um time que se destacou no cenário regional foi o Itambé Atlético Clube. A equipe disputou o campeonato amador regional em 1971, ficando com o vice-campeonato. Os jogos foram promovidos pela Liga de Futebol de Maringá, mais ou menos trinta equipes participaram do evento. 

Se você tem mais informações sobre este assunto, envie para nós pelo e-mail museuesportivo@gmail.com.

Legendas das fotos 

O campo era chamado de Pó de Serra, a moça com a taça e o menino com a bola - crédito da foto: Eurípedes Mariano da Silva.

A equipe do Comercial, uniforme escuro - crédito da foto: família Claro.

A equipe do Alvorada - mulheres e crianças à frente - crédito da foto: Prefeitura de Itambé.

O time do Itambé Esporte Clube, 1971, uniforme claro - crédito da foto: Jovânio Pereira dos Santos. 

Galeria de Fotos

Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário


Outras Publicações

Zagueiro Alex Fraga visita Museu Esportivo e autografa camisa

O zagueiro-artilheiro Alex Fraga, do Maringá Futebol Clube, foi conhecer o Museu Esportivo de Maringá e levou uma camisa oficial do clube para o acervo do MEM. Foi no dia 11 de maio. Fraga estava acompanhado de Paulo Regini, dirigente do clube, do assessor de imprensa Rodrigo Araújo, do fotógrafo Fernando Teramatsu e da equipe de reportagem da Rede Massa: a repórter Kelly Moraes e o repórter cinematográfico Nilson Cirino. O MEM conta com camisa

Equipes amadoras - Fotos doadas por Miltinho Albano ao Museu Esportivo de Maringá (1)

Equipes amadoras - Fotos doadas por Miltinho Albano ao Museu Esportivo de Maringá. Caso você tenha informações sobre estas fotos (nome dos times, jogadores, ano), entre em contato conosco pelo museuesportivo@gmail.com. 

 

Milton Albano Gomes, o Miltinho, conta a sua história no futebol                       &nbs

Museu Esportivo de Maringá participa da Pedalada e Caminhada Pelo Fim da Violência Contra a Mulher

Museu Esportivo de Maringá participa da Pedalada e Caminhada Pelo Fim da Violência Contra a Mulher

Evento acontece neste sábado, 9 de março, a partir das 9 horas, na praça da Catedral

Os amigos do Museu Esportivo de Maringá participarão da Pedalada e Caminhada Pelo Fim da Violência Contra a Mulher que acontece neste sábado (9), a partir das 9 horas, na praça da Catedral N

Pancho doa ao MEM sua camisa da seleção de handebol da Olimpíada de Barcelona e medalhas do Pan Americano de Indianápolis e Havana

Pancho doa ao MEM sua camisa da seleção de handebol da Olimpíada de Barcelona e medalhas do Pan Americano de Indianápolis e Havana

Na visita que fez ao MEM, acompanhado da esposa Luciana Ferreira e da filha Julia, o professor de José Luiz Lopes Vieira, o Pancho, primeiro maringaense a disputar uma Olimpíada - esteve na seleção brasileira de handebol em Barcelona, em 1992 -, doou ao Museu Esportivo de Maringá a camisa e o

 Rua Pioneiro Domingos Salgueiro, 1415- sobreloja - Maringá - Paraná - Brasil

 (44) 99156-1957

Museu Esportivo © 2016 Todos os diretos reservados

Logo Ingá Digital