Últimas Publicações / Benfica no Maracanã em 1955

Equipe do Benfica, de Portugal, do técnico Oto Glória, no Maracanã, em 1955, quando disputou a Taça Charles Miller.  O Corinthians foi o campeão do torneio. Na temporada 1954/55, o Benfica tinha conquistado o Campeonarto Português. 

 

PARTICIPANTES
AMÉRICA FOOTBALL CLUBE – RIO DE JANEIRO – DF.
CLUB ATLÉTICO PEÑAROL – MONTEVIDÉU – URUGUAI.
CLUBE DE REGATAS DO FLAMENGO – RIO DE JANEIRO – DF.
SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS – SÃO PAULO – SP.
SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA – SÃO PAULO – SP.
SPORT LISBOA E BENFICA – LISBOA – PORTUGAL.

FLAMENGO 1-0 BENFICA
DATA: 19 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro – DF.
RENDA: Cr$ 2.583.509,80.
ÁRBITRO: Washington Rodrigues (Uruguai).
FLAMENGO: Ari (Aníbal), Tomires e Pavão; Servílio, Dequinha e Jordan; Joel (Paulinho), Rubens; Índio (Henrique), Evaristo e Esquerdinha.
BENFICA: Costa Pereira; Jacinto e Artur; Caiado, Alfredo e Ângelo; Zézinho, Arsênio, Águas, Coluna e Palmeiro.
GOL: Evaristo.

PALMEIRAS 2-2 PEÑAROL
DATA: 19 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 644.565,00.
ÁRBITRO: José Santos Marques (Portugal).
PALMEIRAS: Laércio; Manoelito e Valdir; Belmiro, Tocafundo e Gérsio; Renato (Moacir); Lima, Ivan, Nei e Rodrigues.
PEÑAROL: Borghini; Davoine e William Martinez; Rodrigues Andrade, Salvador e Vagnoli (Barrios); Borges, Honberg, Miguez, Toja (Abadie) e Galván.
GOLS: Rodrigues e Nei / Honberg e Borges.

CORINTHIANS 2-1 PALMEIRAS
DATA: 22 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 683.055,00.
ÁRBITRO: Antonio Musitano.
CORINTHIANS: Gilmar; Homero e Olavo; Idário, Julião e Roberto; Luizinho, Cláudio, Baltazar, Moreno (Rafael) e Simão (Nelsinho).
PALMEIRAS: Laércio; Manoelito e Valdir; Belmiro, Tocafundo (Waldemar Fiúme) e Dema; Elzo; Liminha, Ivan (Jair), Nei e Rodrigues.
GOLS: Cláudio e Luizinho / Ivan.

AMÉRICA 1-0 FLAMENGO
DATA: 22 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro – DF.
RENDA: Cr$ 881.068,40.
ÁRBITRO: Horst Herden.
AMÉRICA: Pompéia, Cacá e Édson; Ivan, Osvaldinho e Hélio, Canário (Romeiro), Vassil (Washington), Leônidas, Alarcón e Ferreira.
FLAMENGO: Aníbal, Tomires e Pavão; Servílio, Dequinha e Jordan; Joel, Rubens; Índio (Paulinho), Evaristo (Henrique) e Esquerdinha.
GOL: Alarcón.

BENFICA 2-0 PEÑAROL
DATA: 26 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro – DF.
RENDA: Cr$ 1.479.465,70.
ÁRBITRO: Carlos de Oliveira Monteiro.
BENFICA: Costa Pereira; Jacinto e Artur; Caiado, Alfredo e Ângelo; Calado (Salvador), Arsênio, Águas, Coluna e Palmeiro.
PEÑAROL: Borghini; Davoine e William Martinez; Rodrigues Andrade, Salvador (Mouriño) e Barrios; Borges, Honberg (Abadie), Miguez, Toja e Galván.
GOLS: Coluna e Águas.

CORINTHIANS 3-0 FLAMENGO
DATA: 26 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 509.700,00.
ÁRBITRO: Washington Rodrigues (Uruguai).
CORINTHIANS: Gilmar; Homero e Olavo; Idário, Julião e Roberto; Luizinho, Cláudio (Simão), Baltazar, Rafael e Simão.
FLAMENGO: Aníbal (Osni), Tomires e Pavão (Jadir); Servílio, Dequinha e Jordan; Joel, Rubens; Paulinho, Henrique e Babá.
GOLS: Rafael, Nelsinho e Simão.

AMÉRICA 4-1 PEÑAROL
DATA: 29 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio de São Januário – Rio de Janeiro – DF.
RENDA: Cr$ 236.933,50.
ÁRBITRO: Alberto da Gama Malcher.
AMÉRICA: Pompéia; Cacá e Osmar; Ivan, Osvaldinho e Hélio; Canário, Washington, Leônidas, Alarcón e Ferreira.
PEÑAROL: Borghini; Davoine e William Martinez; Rodrigues Andrade, Mouriño (Obdúlio Varela) e Barrios; Borges, Romay; Miguez, Abadie e Galván.
GOLS: Washington (3) e Canário / Abadie.

PALMEIRAS 1-2 BENFICA
DATA: 29 de junho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 1.267.750,00.
ÁRBITRO: Carlos de Oliveira Monteiro.
PALMEIRAS: Laércio; Manoelito e Valdir; Belmiro (Waldemar Fiúme), Valdemar e Dema; Renato; Liminha, Ivan (Jair), Nei e Rodrigues.
BENFICA: Costa Pereira; Jacinto e Artur; Caiado, Alfredo e Ângelo; Calado (Salvador), Arsênio, Águas, Coluna e Palmeiro.
GOLS: Nei / Águas e Palmeiro.

FLAMENGO 5-3 PALMEIRAS
DATA: 02 de julho de 1955.
LOCAL: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro – DF.
RENDA: Cr$ 226.308,10.
ÁRBITRO: José Santos Marques (Portugal).
FLAMENGO: Aníbal, Tomires e Pavão; Servílio (Jadir), Dequinha e Jordan; Joel, Rubens; Paulinho, Babá e Esquerdinha.
PALMEIRAS: Laércio; Manoelito e Valdir (Mário); Waldemar Fiúme, Tocafundo (Belmiro) e Gérsio; Elzo; Moacir, Liminha, Jair e Rodrigues.
GOLS: Esquerdinha, Rubens, Joel, Gérsio (contra) e Babá / Rodrigues (2) e Liminha.

AMÉRICA 4-2 BENFICA
DATA: 03 de julho de 1955.
LOCAL: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro – DF.
RENDA: Cr$ 2.613.222,90.
ÁRBITRO: Washington Rodrigues (Uruguai).
AMÉRICA: Pompéia; Cacá e Osmar; Ivan, Osvaldinho e Hélio; Canário, Washington, Leônidas, Alarcón e Ferreira.
BENFICA: Costa Pereira; Jacinto e Artur; Caiado, Alfredo e Ângelo; Zézinho (Salvador), Arsênio (Calado), Águas, Coluna e Palmeiro.
GOLS: Alarcón, Ferreira, Washington e Leônidas / Caiado e Águas.

CORINTHIANS 2-2 PEÑAROL
DATA: 03 de julho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 559.440,00.
ÁRBITRO: Horst Herden.
CORINTHIANS: Gilmar; Homero e Olavo; Idário, Julião e Roberto; Simão, Luizinho, Paulo, Rafael (Goiano) e Nelsinho.
PEÑAROL: Borghini; Davoine e William Martinez; Rodrigues Andrade (Juan Carlos Gonzalez), Mouriño e Barrios; Borges, Honberg; Romay, Abadie (Milán) e Galván.
GOLS: Paulo e Nelsinho / Borges (2).

CORINTHIAS 3-1 AMÉRICA
DATA: 06 de julho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 879.805,00.
ÁRBITRO: Alberto da Gama Malcher.
CORINTHIANS: Gilmar; Homero e Alan; Idário, Julião e Roberto (Goiano); Cláudio, Luizinho, Baltazar, Rafael (Paulo) e Nelsinho.
AMÉRICA: Pompéia; Cacá (Rubens) e Osmar; Ivan, Osvaldinho e Hélio; Canário, Washington, Leônidas, Alarcón (Vassil) e Ferreira.
GOLS: Baltazar, Luizinho e Paulo / Ferreira.

PALMEIRAS 2-2 AMÉRICA
DATA: 09 de julho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 199.315,00.
ÁRBITRO: Alberto da Gama Malcher.
PALMEIRAS: Laércio; Manoelito e Valdir (Mário); Valdemar , Waldemar Fiúme e Dema; Nei; Humberto,Liminha, Ivan (Jair) e Rodrigues.
AMÉRICA: Pompéia; Rubens (Agnelo) e Osmar; Ivan, Osvaldinho e Hélio; Canário, Washington, Leônidas, Vassil e Ferreira (Romeiro).
GOLS: Liminha e Ivan / Ferreira e Ivan

FLAMENGO 2-1 PEÑAROL
DATA: 10 de julho de 1955.
LOCAL: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro – DF.
RENDA: Cr$ 485.189,20.
ÁRBITRO: José Santos Marques (Portugal).
FLAMENGO: Aníbal, Tomires (Jadir) e Pavão; Servílio, Dequinha e Jordan; Joel, Rubens; Paulinho (Babá), Evaristo e Esquerdinha.
PEÑAROL: Borghini; Davoine e William Martinez; Rodrigues Andrade, Mouriño e Barrios; Borges, Toja; Romay (Miguez), Milán e Galván.
GOLS: Joel (2) / Galván.

CORINTHIANS 2-1 BENFICA
DATA: 10 de julho de 1955.
LOCAL: Estádio do Pacaembu – São Paulo – SP.
RENDA: Cr$ 1.447.335,00.
ÁRBITRO: Horst Herden.
CORINTHIANS: Gilmar; Homero e Alan; Idário, Julião e Roberto (Goiano); Cláudio, Luizinho, Baltazar, Rafael (Paulo) e Nelsinho.
BENFICA: Costa Pereira; Jacinto e Artur; Caiado, Alfredo e Ângelo; Palmeiro, Arsênio, Águas, Coluna e Calado (Zézinho).
GOLS: Cláudio (2) / Águas.

CLASSIFICAÇÃO

J V E D GP GC PG

1º CORINTINHIANS
5 4 1 0 12 05 09
2º AMÉRICA
5 3 1 1 12 08 07
3º FLAMENGO
5 3 0 2 08 08 06
4º BENFICA
5 2 0 3 07 08 04
5º PALMEIRAS
5 0 2 3 09 13 02
6º PEÑAROL
5 0 2 3 06 12 02

CAMPEÃO: SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA

ARTILHARIA
4 GOLS.
Washington (América) e Águas (Benfica).

3 GOLS.
Ferreira (América), Cláudio (Corinthians), Joel (Flamengo), Rodrigues (Palmeiras) e Borges (Peñarol).

2 GOLS.
Alarcón (América), Luizinho, Nelsinho e Paulo (Corinthians), Ivan, Liminha e Nei (Palmeiras).

1 GOL.
Canário, Ivan e Leônidas (América), Caiado, Coluna e Palmeiro (Benfica), Baltazar, Rafael e Simão (Corinthians), Babá, Esquerdinha, Evaristo e Rubens (Flamengo), Abadie, Galván e Honberg (Penãrol).

GOL CONTRA
Gérsio (Palmeiras), no jogo contra o Flamengo.

RENDAS

TOTAL DO TORNEIO
Cr$ 14.696.662,60
15 jogos.
Média: 979.777,50

SÃO PAULO
Cr$ 6.190.965,00.
8 jogos.
Média: Cr$ 773.870,62.

RIO DE JANEIRO
Cr$ 8.505.697,60.
7 jogos.
Média: Cr$ 1.215.099,60.

Fonte: Esporte Ilustrado a partir do site www.historiadofutebol.com.

Comentários

Seja o primeiro a comentar.

Enviar Comentário


Outras Publicações

Primeira edição do jornal O Fato Mandacaru destaca Museu Esportivo de Maringá
Faixa do Toledo, campeão de 2019, doada ao MEM

A faixa foi doada pelo nosso amigo do MEM, Tiago Valenciano, um dos nossos apoiadores, sempre participando das nossas promoções e doando peças para o nosso acervo.

Tiago recebeu a faixa de campeão da Taça Barcímio Sicupira Júnior, do Toledo Esporte Clube, de Wagner Moura e repassou ao Museu Esportivo de Maringá. A faixa fez parte das comemorações do título paranaense do Toledo no primeiro turno de 2019, sen

Gabriel Kara Neto visita o Museu Esportivo de Maringá

Gabriel Kara Neto, professor que lecionou em Maringá, foi preparador físico do time profissional do Grêmio de Esportes Maringá e das categorias de base na década de 70, também fazendo as vezes de treinador em várias oportunidades, visitou o Museu Esportivo de Maringá na última segunda-feira, dia 9 de outubro de 2018, em companhia de Gilmar Real e Serraria, que foram seus atletas, e do seu concunhado Devonsir, de Mandaguari. Gabriel

MEM na inauguração do Meu Campinho Romoaldo Barbosa

Torneio organizado pelo Museu Esportivo de Maringá na inauguração do Meu Campinho Romoaldo Barbosa, dia 12 de março de 2020, no Conjunto Guaiapó.
O MEM promoveu um torneio com atletas veteranos com acidade acima de 50 anos.
O time campeão foi o Barnabé e José Mauro Ferreira foi o autor do primeiro gol daquela praça esportiva.
Inauguração teve a presença do prefeito Ulisses Maia, do vice Ed

“Quilômetros de papel e rios de tinta imprimem o futebol ao longo dos anos, atravessando gerações. Na era digital, as Imagens avançam pelos céus, rompem todas as fronteiras. As vozes do amor ao futebol ecoam pelo grande campo que é o mundo. Agora, em algum lugar, alguém chuta uma bola. A paixão mais documentada da história não para. O jogo nunca termina.”

(Antonio Roberto de Paula)

 Rua Pioneiro Domingos Salgueiro, 1415- sobreloja - Maringá - Paraná - Brasil

 (44) 99156-1957

Museu Esportivo © 2016 Todos os diretos reservados

Logo Ingá Digital